Roteiro Turístico de Salvador

outubro 20, 2010 Postado por
Elevador Lacerda, em Salvador

Foto Destaque: Shutterstock

Salvador é conhecida por seu povo hospitaleiro, seu belo litoral e seu Carnaval famoso no mundo todo. Mas quando as pessoas resolvem viajar para a cidade, fica aquela dúvida sobre quais lugares visitar.

Para fazer um roteiro dos pontos turísticos mais interessantes e saber um pouco mais sobre eles, fui buscar ajuda de uma amiga baiana, que tem o privilégio de morar no Farol da Barra,  detentor do mais famoso pôr-do-sol da cidade.

É lá que começa o Circuito Barra – Ondina, itinerário dos trios elétricos durante o Carnaval, que passou a ser o circuito oficial,  substituindo o de Campo Grande.

No Farol da Barra há o Porto da Barra, um ótimo lugar para um banho de mar, por ser mais tranquilo e sem a presença de pedras, ao contrário do que acontece no praia do Farol. Lá você também pode conhecer o Cristo, ponto de encontro para casais de namorados depois que a segurança foi reforçada.

Através da orla, chegamos ao Rio Vermelho, um bairro tradicionalmente boêmio, que hospeda grande parte dos melhores bares  de Salvador. É lá que você vai encontrar os acarajés mais famosos da cidade, como o da Cira e o da Dinha, que embora já não esteja entre nós, ainda tem seu nome como referência.

Seguindo a orla, encontramos a praia de Itapuã, que inspirou Toquinho e Vinícius de Moraes na composição da música “Tarde em Itapuã”. Essa praia é rodeada por recifes, com águas verdes e tranquilas, formando piscinas naturais, além de seu Farol, que se destaca na paisagem.

Ainda nessa praia você pode conhecer a Lagoa do Abaeté, com águas negras rodeadas por imensas dunas, que envolveram a lagoa em diversas lendas e mistérios. Utilizada pelas lavadeiras baianas, a Lagoa do Abaeté tornou-se um ponto tradicional na cidade e hoje faz parte do Parque Metropolitano da Lagoa e Dunas do Abaeté, local em que também localiza-se a sede da associação das lavadeiras.

Para quem quer praias mais tranquilas e limpas, uma dica é ir até a Praia do Flamengo, que tem águas verdes e fica mais afastada do centro da cidade. É o local preferido pelos habitantes para aproveitar um final de semana ensolarado e pelos praticantes de surf e bodyboard.

Para quem vai à cidade com interesse em sua história, a sugestão é ir ao bairro de Campo Grande, originado com a chegada da família real portuguesa a Salvador. O bairro tem uma grande praça com o mesmo nome, onde sempre é possível encontrar exposições. Caso você fique perdido em Salvador ou queira ir a algum lugar mais afastado, é para essa praça que deve se dirigir, já que de lá saem ônibus que vão para todos os lugares da cidade, funcionando como um terminal central.

A Praça Campo Grande é cortada pela Avenida Sete de Setembro, importante centro comercial de Salvador. No final dessa rua você encontra o Elevador Lacerda, um meio de transporte que surgiu no século XIX e até hoje é utilizado para ligar a Cidade Baixa à Cidade Alta.

Durante todo esse tempo, o elevador passou por quatro reformas para modernizá-lo e aumentar sua capacidade. Atualmente ele tem uma bela arquitetura inspirada no estilo Art Déco e conta com quatro elevadores que transportam uma média de 28 mil pessoas por dia. Seu custo é de 15 centavos por passageiro.

É próximo ao Elevador Lacerda que está o ponto turístico mais famoso de Salvador e provavelmente de toda a Bahia, o Pelourinho. Todo turista que se preze faz um visita a esse local com importância histórica inimaginável. Suas ladeiras com ruas de paralelepípedos carregam uma herança cultural de séculos e os turistas podem conhecer a arte e a história da cidade.

Lá no Pelourinho há muitas igrejas, como a Igreja de São Francisco e sua belíssima arquitetura barroca e seu interior é feito com ouro e jacarandá, sendo uma das mais ricas do Brasil. Além disso, o Pelourinho também concentra um grande número de bares e as festas por lá são constantes.

Ao descer o Elevador Lacerda, você se depara com o Forte São Marcelo, construído após a invasão holandesa de 1650. Além de defender a cidade, ele também foi utilizado como prisão. Atualmente é a sede do Centro Cultural Forte São Marcelo, com um imenso acervo histórico sobre a capital da Bahia. O Forte só é acessível por meio de um barco, que você pode pegar no Centro Náutico, no bairro do Comércio . De lá você pode ver a Bahia Marina, na Avenida Contorno, que é uma bela vista da cidade.

Logo abaixo está localizado o Mercado Modelo, lugar importante do comércio turístico em Salvador. Além de encontrar vários objetos artesanais, os turistas se deparam com lendas sobre os túneis utilizados para o armazenamento de produtos.

Segundo a lenda local, esses túneis eram na verdade utilizados para guardar escravos recém-chegados ou então aqueles que não tinham mais serventia. Há quem diga que hoje em dia é possível ouvir o som das correntes de escravos, que se arrastam pelos túneis.

Seguindo o passeio, você também pode visitar o bairro de Bonfim, que abriga a Igreja Basílica do Senhor do Bonfim, maior centro da fé católica para os baianos. É nessa igreja que são distribuídas as famosas fitinhas do Senhor do Bonfim e é também onde ocorre a Lavagem do Bonfim, considerada a segunda maior manifestação popular da Bahia, ficando atrás apenas do Carnaval. A Lavagem das Escadarias do Bonfim é um ritual que se repete há mais de 50 anos e ocorre sempre na segunda quinta-feira do mês de janeiro.

Outro bairro que vale a pena conhecer é a Ribeira, que fica praticamente do lado oposto da cidade. Bairro da classe alta baiana, hospeda a vida boêmia com ótimos barzinhos  e oferece uma visão de toda Salvador, com um pôr-do-sol maravilhoso. Por lá você encontra também a Sorveteria da Ribeira, sorveteria bastante famosa, que conta com mais de 50 sabores de sorvete, entre eles Açaí e Jaca.

Para finalizar o passeio, você pode visitar o bairro Monte Serrat, que abriga o Forte Monte Serrat, uma das construções militares que defenderam a capital da Bahia. Em uma localização privilegiada, de lá os turistas podem ter uma visão geral da cidade e de toda a Baía de Todos os Santos. A partir de 1993 o Forte passou a abrigar o Museu da Armaria, com um acervo de armas da Primeira e Segunda Guerras Mundiais.

E você, tem algum lugar preferido ou uma dica de passeio em Salvador?

Esse post foi escrito para o Blog da MalaPronta.com, hotéis no Brasil e no Mundo pelo menor preço!

Franciele

Gosta de música, futebol, Fórmula Um, seriados, filmes, livros, viagens e mídias sociais. Se interessa pelas áreas de jornalismo esportivo, cultural e turístico. Em 2008/2009 ficou quatro meses em Phoenix, nos Estados Unidos, fazendo o intercâmbio Work and Travel.

Comentários

Comente via Facebook
Comente via InteseDebate (6)

6 respostas para “Roteiro Turístico de Salvador”

  1. Dalmo Sales disse:

    Salvador é uma cidade maravilhosa e com outras maravilhosas cidades ao seu redor.

    Para saber onde ir, o que fazer e outras dicas em nossa cidade, visite o Vitrine Baiana!
    http://www.vitrinebaiana.com.br

  2. edlena disse:

    Ola, gostaria de saber quem viajou com criança, se precisou de serviço de guia ou deu pra se virar sozinho nos passeios

  3. Karina disse:

    Salvador é linda! Cercada de mitos e lendas q muitas vezes ñ correspondem a realidade, mas pra nós turistas o q importa é a diversão e o conhecimento q adquirimos sobre a história de nosso país, já q em alguns pontos históricos, Salvador é um museu ao céu aberto. As são praias paradisíacas, principalmente as mais distantes da cidade, como as do Litoral Norte, nossa! são encantadoras! Os principais shopings são super modernos, ñ ficam a dever em nd aos melhores do mundo, enfim, passei minha lua de mel em Salvador e foi realmente marcante.

  4. [...] Se quiser saber um pouco mais sobre Salvador,você pode ler o post que fiz há alguns meses: Roteiro Turístico de Salvador . [...]

  5. rosany disse:

    adoro o site mala pronta.Foi através dele q pesquisei o preço de vário hoteis de forma rapida e diretaE o blog tb. vou para salvador com marido e filhos(3!!).Bjs a todos. depois conto do hotel e do meu roteiro.

  6. Matheus MalaPronta disse:

    Obrigado. Aproveite a viagem e abuse do protetor solar no bebê. =)

Deixe uma resposta