Esqui na América do Sul

maio 9, 2013 Postado por
Cerro Catedral na Argentina

Foto: Shutterstock

Como no Brasil não há neve, é preciso viajar para poder desfrutar de uma das mais maravilhosas atrações que as baixas temperaturas propiciam: o esqui na neve! A Argentina e o Chile são os destinos preferidos dos esquiadores e isso não é à toa: lá estão estações de esqui de todos os tipos: das mais luxuosas às mais em econômicas.

Descubra as melhores estações de esqui da Argentina e do Chile!

Argentina

Na casa dos nossos hermanos argentinos as melhores estações se concentram na região próxima à cidade de Bariloche e o mais interessante destes lugares é o custo-benefício: aqui não é preciso pagar um absurdo para poder deslizar na neve. Mas se você quiser toda a luxuosa infra-estrutura de um ski-resort, a Argentina também lhe oferece um local especial.

Cerro Catedral

O mais visitado e famoso centro de esqui é o Cerro Catedral, localizado a 20 km do centro de Bariloche. A fama deste lugar se deve ao seu tamanho: há 120 km de pistas com um desnível de 1150 metros! As pistas são separadas para que ninguém enfrente muitas dificuldades (ou facilidade) em sua descida.

Iniciantes e experts podem escolher entre o esqui e o snowboard e depois deslizar pela neve. Em Cerro Catedral, o turista pode mudar um pouquinho de atividade e brincar no tubbing (uma bóia que desce pela neve) ou encarar o terrain park, uma pista com obstáculos e rampas.

Por estar situada a 1030 metros de altura, o Cerro Catedral oferece uma vista espetacular do território argentino e lá do alto é possível ver as montanhas andinas e o lago Nahuel Huapi.

Dica de hospedagem: A poucos metros da estação de esqui está o Knapp Hotel, uma hospedagem moderna que oferece acesso direto às pistas de esqui, de aulas de esqui e snow-board.

La Hoya

A pista de La Hoya é a queridinha dos iniciados no ski e daqueles que preferem um lugar com um bom custo-benefício. Situada próxima à cidade de Esquel, este ski resort mantém o mesmo charme rústico encontrado no município.

O La Hoya tem 24 trilhas com 22 km, sendo que a mais longa tem 5 km. São quatro pistas divididas em iniciantes, intermediário, avançado e expert e há também um pequeno terrain park, cheio de curvas sinuosas e obstáculos para serem vencidos. O lugar pode até ser pequenino em comparação com outros da nossa lista, mas a neve daqui é com certeza a melhor que você pode esquiar.

Além disso, o valor para você esquiar, incluindo o aluguel completo dos equipamentos mais o ski-lift, fica na casa dos 60 dólares!

Dica de hospedagem: Para continuar economizando, você pode se hospedar no Residencial Ski, um hotel com o básico para uma confortável estadia.

Perito Moreno

Outra opção para quem preza o seu dinheiro é Perito Moreno, em El Bolsón. Esta pista é excelente para quem não curte muito a agitação dos ski resorts, pois aqui a tranqüilidade é maior e você não precisa esperar muito para poder esquiar.

A pista de Perito Moreno não é quilométrica como as outras, mas tem um charme único: a floresta é cortada pela faixa de neve e os esquiadores passeiam ali como se estivessem percorrendo um lugar que foi criado por uma avalanche e não por um resort.

Por ser mais ‘simples’, esta estação de esqui tem um preço excelente para quem pretende apenas se divertir na neve, sem pretensões de virar expert em esqui.

Entre as atividades do local se destacam: esqui alpino e nórdico, snowboard, trekking, caminhadas pela neve e jogos de neve.

Dica de hospedagem: Localizado em uma fazenda de ovelhas, o hotel Estancia Nibepo Aike oferece vários programas imperdíveis, entre eles trekking e passeio a cavalo. Além disso, o hotel também tem um café da manhã colonial e está pertinho desta estação de esqui.

Cerro Bayo

Na região oeste da Argentina, a 9 km da pequenina Villa La Angostura, está a estação Cerro Bayo, a mais glamorosa do país. Quem a vê acaba achando o lugar pequeno, afinal são 12 montes e 22 trilhas com apenas 12 km de comprimento, no entanto, Cerro Bayo tem paisagens fenomenais, como a vista completa do Lago Nahuel Huapi.

Envolta por uma floresta de árvores branquíssimas e próxima aos Andes chilenos, o local é uma estação de esqui bem tradicional, onde o foco principal é apenas a descida e a bela vista proporcionada.

Dica de hospedagem: Em Villa La Angostura há dezenas de hotéis com desconto no nosso site, por isso dê uma conferida e veja qual oferece o melhor custo-benefício.

Chile

A paisagem natural do Chile favorece aos esqui: em toda a costa do país há montanhas altíssimas, que logo viraram morada de estações de esportes de inverno. Vale destacar que aqui encontramos instalações luxuosas que se aproveitam do magnífico horizonte e da imensa superfície de neve para levar os melhores serviços aos seus visitantes.

Portillo

Quando falamos de esqui no Chile, falamos de Portillo. Esta estação é notória e sua fama vem de anos atrás, quando ainda havia poucas estações-resort na América Latina. Próxima ao Aconcagua e a nordeste de Santiago, Portillo está aos pés da Cordilheira dos Andes e apresenta um cenário cinematográfico para seus visitantes.

As 19 pistas de esqui são enormes e o desnível vertical chega a 726 metros! Por ser um local que atrai esquiadores de todas as partes do mundo, há catorze meios de elevação para que não haja filas.

Por enquanto tudo parece muito similar com as outras estações, mas o hotel amarelado que contrasta fortemente com o branco da neve abriga as atrações que fazem de Portillo um lugar inesquecível: ali é possível emergir na banheira de hidromassagem enquanto desfruta da paisagem da pista de esqui. Por ter todas estas facilidades seu valor é um pouco alto.

Dica de hospedagem: Por estar bem pertinho de Santiago, sugerimos que você procure no nosso site o hotel que melhor se adéqua ao estilo da sua viagem.

Nevados de Chillán

Situado na encosta do vulcão Chillán, a estação de esqui Nevados de Chillán, já nos apresenta um espetacular cartão de visitas. Com pistas de ski e snowboard, o resort também é conhecido pelas águas termais, que ficam lotadas de turistas que buscam relaxar o corpo.

Por ter uma vertical de impressionantes 1,097 metros, a pista de Chillán também é usada para competições, mas não se assuste com os números, há também lugares voltados para os iniciantes.

Se você quer mais do que uma pista de ski, Nevados de Chillán é uma ótima opção, pois as crateras formadas pelos vulcões garantem um programa diferente para os visitantes. O valor do aluguel é um pouco caro aqui, mas se você estiver disposto a ter um banho termal, descida de ski e passeio por uma paisagem vulcânica, o preço compensará.

Dica de hospedagem: Tranqüilo e com vários serviços que vão lhe ajudar imensamente, o hotel Paso Nevado está próxima da estação de esqui.

Vale Nevado

O Chile concentra as estações de esqui mais grandiosas da América Latina e a Vale Nevado não é exceção. Localizado em um vale, o local está a 3 mil metros acima do mar, o que pode garantir certa tontura aos mais sensíveis, mas que também oferece uma vista panorâmica das montanhas e floresta.

Os 900 hectares do vale são povoados por 39 pistas de esqui com níveis de dificuldade variados. Os teleféricos são aos montes, o que para um resort deste tamanho, ajuda a não aumentar a espera pela descida na neve.

Por ser uma estação-resort o visitante aproveita outras formas de entretenimento como SPA, sala de cinema e até piscina animada por um DJ! Você já pode imaginar o valor deste local, que fica bem acima das estações de esqui argentinas.

Dica de hospedagem: você pode entrar no nosso site e escolher um dos hotéis de Santiago, a cidade mais próxima do Vale Nevado.

Se você tem dicas de outras estações de esqui, deixe o seu comentário!

Esse post foi escrito para o Blog da MalaPronta.com, hotéis no Brasil e no Mundo pelo menor preço!

Samantha

Samantha Alievi é jornalista e ama viajar (sem gastar muito), conhecer novos lugares e culturas. Se pudesse percorreria o mundo acompanhando o circuito de tênis e o circo da Fórmula 1. Suas principais áreas de interesse no jornalismo são o cultural, esportivo e o científico.

Comentários

Comente via Facebook
Comente via InteseDebate (0)

Deixe uma resposta